Onde Comprar Cigarro Eletrônico

Quer saber onde comprar cigarro eletrônico? Leia este post e descubra diversas opções.

Antes de tudo vamos falar sobre os Cigarros Eletrônicos.

O que é cigarro eletrônico?

cigarro eletrônico , também chamado de e-cigarroe-cig ou e-cigarette, é um aparelho mecânico-eletrônico desenvolvido com o objetivo de simular um cigarro e o ato de fumar.

É um dispositivo que produz vapor inalável com ou sem nicotina, apresentando diversos sabores (ex: tabaco, café, frutas, etc.) e podendo servir como uma alternativa ao fumante, pois, além de entregar nicotina, também proporciona sabor e sensação física semelhante a da fumaça do tabaco inalado, embora não haja tabaco, combustão e fumaça.

Também, o cigarro eletrônico imita o hábito de fumar, o que para muitos fumantes é um dos obstáculos para o sucesso em parar de fumar tabaco, porém, faz muito menos mal que o tabaco, devido à sua composição com muito menos toxinas.

onde comprar cigarro eletrônico

Onde comprar os Cigarros Eletrônicos?

As melhores opções atualmente estão nas lojas onlines. Com um bom tempo atuando neste setor, você poderá encontrar muita variedade. Também é possível pesquisar um negócio local em sua cidade.

Vamos as lista dos sites mais relevantes para compra:

Vapor Club – Loja online com uma imensa variedade de cigarros. Os preços começam a partir de R$ 19,00.

Mundo Vapor – Outra grande loja online com grande variedade. Site muito bem organizado e com várias recomendações.

Mercado Livre – Com grande variedade de modelos e locais diferentes para compra. Achamos modelos a partir de R$ 24,00.

Em breve vamos atualizar nossa lista “Onde comprar cigarro eletrônico”.

Mas como escolher um cigarro eletrônico para comprar?

Com tantas opções, fica difícil saber qual o melhor cigarro eletrônico você deve comprar.

Dentre os diferentes aparelhos e acessórios que o mercado oferece, as opções podem ser bem distintas, o que à princípio pode confundir e até inibir o leigo de começar a vaporar, mas tudo é muito mais simples do que você imagina e apesar de existir muita informação nova, tudo vai depender do seu gosto pessoal e as opções vão se afunilando.

No site Vapor Aqui, você encontra um Guia do Primeiro Cigarro Eletrônico.  Excelente para quem está perdido no assunto.

O Cigarro Eletrônico é prejudicial?

O cigarro eletrônico é claramente menos prejudicial do que o comum , afirma o dr. Steven Schroeder, diretor do Centro para Interrupção do Tabagismo da Universidade da Califórnia, campus de San Francisco, e coautor de um artigo recente publicado no periódico JAMA que analisa desdobramentos do controle do tabaco.

Estudos estimaram que o cigarro eletrônico confere uma redução de pelo menos dois terços nos riscos à saúde , na comparação com o normal.

Schroeder destaca que a nicotina não é a principal culpada na longa lista de doenças ligadas ao tabagismo. Ela é o principal ingrediente viciante que mantêm fumantes acendendo o cigarro, mas os milhares de outras substâncias químicas nos cigarros tradicionais, entre elas 70 conhecidas como carcinogênicas, provocam os maiores danos.

Texto retirado da notícia “Fumantes idosos adotam cigarros eletrônicos”

Componentes e funcionamento do Cigarro Eletrônico

O cigarro eletrônico é constituído basicamente de três partes: uma bateria com alguns componentes eletrônicos, um vaporizador (também chamado atomizador) e um cartucho, sendo que funciona da mesma forma que os adesivos e chicletes de nicotina, entregando aos poucos esta substância ao fumante.

Na maioria dos modelos, a bateria dos cigarros eletrônicos está ligada a um sensor que detecta a sucção realizada pelo usuário, a qual ativa o atomizador e inicia a vaporização do líquido contido no cartucho (chamado e-líquido ou e-suco), sendo então inalado pelo usuário.

Ainda, esse sensor ativa um LED (pequeno dispositivo luminoso), geralmente de cor laranja, localizado na ponta do cigarro. Com isso, o cigarro eletrônico simula muito bem o real ato de fumar.

O que é E-liquido?

O e-líquido ou e-suco (e-liquid ou e-juice, em inglês) é um líquido mais viscoso do que a água, apresenta uma alta tensão superficial e tem a propriedade de ser facilmente vaporizado, sendo, portanto, usado como veículo para a nicotina chegar aos pulmões.

Na maioria dos e-líquidos o principal componente é o propilenoglicol, seguido de glicerina, água, nicotina e flavorizantes, os quais dão o sabor e aroma. Os e-líquidos não apresentam, desse modo, alcatrão, monóxido de carbono e nenhuma das outras substâncias comumente encontradas em produtos do tabaco.

Cigarro Eletrônico serve para parar de fumar?

Como o cigarro comum é um dos mais nocivos produtos de livre comercialização já criados, é natural que, mesmo com todos os problemas, os cigarros eletrônicos ainda consigam ser menos maléficos à saúde.

Algumas das vantagens dos cigarros eletrônicos em relação ao cigarro tradicional são:

  • Exposição a menos substâncias químicas tóxicas, ainda que haja substâncias tóxicas no e-cigarro.
  • Não deixa os dentes amarelados.
  • Não provoca mau cheiro.
  • É menos poluente.
  • É mais barato.
  • O fumo passivo parece ser menos tóxico.
  • Parece haver um menor risco de doenças pulmonares, apesar de haver riscos.

Ainda que existam algumas vantagens, por tudo o que foi exposto até aqui, a imensa maioria dos médicos e das associações médicas não recomenda o cigarro eletrônico como forma de tratamento para o tabagismo por conta de 4 problemas:

1- Os cigarros eletrônicos aparentemente não são produtos isentos de toxicidade. Há opções mais seguras e com maior embasamento científico, como fármacos e chicletes ou adesivos de nicotina.

2- As pessoas que usam o e-cigarro até diminuem o consumo de cigarros tradicionais, mas um estudo de 2013 mostrou que 77% dos usuários do cigarro eletrônico continuam a fumar cigarros comuns. Em muitos casos, o consumo de nicotina não é reduzido e o paciente continua tão viciando quanto antes.

3- Não há conhecimento científico adequado sobre esse produto. Não sabemos se a longo prazo o cigarro eletrônico é realmente mais seguro que os cigarros convencionais.

4- O estímulo ao uso do cigarro eletrônico pode, após anos de queda consistente, devido às campanhas anti-tabágicas, provocar um aumento no número de pessoas viciadas em nicotina. A falsa impressão de segurança pode fazer com que o número de fumantes volte a crescer. Há estudos que mostram que ex-fumantes, que tinham parado completamente de fumar cigarros comuns, voltaram a fumar, agora com cigarros eletrônicos.

Do ponto de vista de saúde pública, a popularização do cigarro eletrônico pode significar um passo atrás no controle do tabagismo. Já há, inclusive, pessoas que querem fumar o e-cigarro em locais fechados, pois acham que o fumo passivo deste tipo de cigarro é seguro.

Trecho retirado do texto “Cigarro Eletrônico faz mal? Conheça os riscos e benefícios”.

Onde Comprar Cigarro Eletrônico – Dica Final

Somente compre o cigarro eletrônico se estiver seguro. Pesquise bastante. Em alguns casos pode-se fumar o mesmo tanto que o cigarro normal. Porém ainda não é possível provar a longo prazo, os possíveis danos.

Deixe um comentário